Anabolizantes nas academias – Pesquisa em academias mostra que 2/3 usam “bombas”

dezembro 7, 2009 | Alimentação, América do Sul, Biologia, Brasil, Campinas, Comportamento, Crime, Educação, Estudos, Medicina, São Paulo, Saúde

Galera, dá sim para ficar com um corpo sarado, sem fazer uso de bombas, demora um pouco, e não se iludam com o ganho rápido de músculo com os anabolizantes, por que com saúde nunca devemos brincar!!!

Nutricionista ouviu cem praticantes de musculação em Campinas.
Estudo indica que maioria dos que usam ergogênicos não tem orientação.

Pesquisa realizada com cem homens maiores de 18 anos e praticantes de musculação em dez academias de Campinas, a 93 km de São Paulo, constatou que 68% deles consomem substâncias ergogênicas, aquelas que melhoram o desempenho físico. Desses homens que consomem, 10% assumiram usar anabolizantes e 9% estimulantes, como a anfetamina e efedrina.

A pesquisa foi realizada pela nutricionista Adriana Camurça Pontes Siqueira, que defendeu tese de doutorado na Faculdade de Engenharia de Alimentos da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O resultado surpreendeu a pesquisadora, que não esperava um consumo tão alto dessas substâncias. “Esperava um índice alto, mas nem tanto”, diz.

Veja matéria completa em Saúde da Vida – Anabolizantes nas academias

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.