Bancos – Quanto ganha o presidente do Itaú e Bradesco

junho 26, 2018 | América do Sul, Bancos, Bradesco, Brasil, Empresas, Itaú Unibanco, Tim, Vivo

Os maiores salários de presidentes de companhias brasileiras foram conhecidos nesta segunda-feira. A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) determinou a divulgação dos valores a partir de hoje, com base na decisão do Tribunal Regional Federal (TRF) da 2ª Região, que derrubou liminar de 2010 que permitia a dezenas de empresas omitir os valores. A liminar havia sido obtida pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (Ibef), que alegava que a divulgação dos valores permitiria a identificação dos executivos e representaria uma violação à privacidade e um risco à segurança. No entanto, diversas entidades do mercado finaceiro, inclusive a CVM, defendiam um maior nível de transparência na divulgação das informações das empresas, incluindo os salários de seus principais executivos.

Mais de 30 empresas não divulgavam salários de seus executivos, entre elas Bradesco, Itaú, Vale, Vivo e Shopping Iguatemi. Confira abaixo os valores dos salários de presidentes de algumas companhias. Os valores referem-se 2017 e correspondem à soma de todos os salários do ano, além de outras vantagens e benefícios, como bônus e participação nos lucros. Entre parênteses está o valor equivalente ao mês.

Itaú: R$ 40.918.000,00 por ano (R$ 3.409.833,33 por mês)
Vale: R$ 19.046.168,46 por ano (R$ 1.587.280,70 por mês)
Bradesco: R$ 15.952.500,00 por ano (R$ 1.329.375,00 por mês)
TIM: R$ 8.173.653,71 por ano (R$ 681.137,80 por mês)
Iguatemi: R$ 8.086.564,48 por ano (R$ 673.880,37 por mês)
Alpargatas: R$ 7.336.200,00 por ano (R$ 611.350,00 por mês)
Vivo: R$ 6.719.912,45 por ano (R$ 559.992,70 por mês)

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.