Carnaval 2011 – 189 mortes em 5 dias nas rodovias federais

março 9, 2011 | Acidentes, Brasil, Carnaval, Carro, Comportamento, Crime, Entretenimento, Polícia, Rodoviária, Trânsito

Só na terça-feira foram 23 mortes, segundo a Polícia Rodoviária Federal.
No carnaval de 2010, houve 143 mortes em seis dias.

No quinto dia da Operação Carnaval, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) contabiliza a morte de 23 pessoas nas estradas federais do país, segundo boletim divulgado nesta quarta-feira (9). Da zero hora às 23h59 da terça-feira (8), houve 534 acidentes, com 369 feridos. Nos cinco dias da operação, o número de acidentes chega a 3.563 e o de mortos, a 189.

O total de mortes em cinco dias neste ano supera o número registrado em seis dias de operação no carnaval 2010. Durante toda a operação do ano passado, que foi realizada entre a 0h de sexta-feira (12 de fevereiro) e a meia-noite de quarta-feira (17 de fevereiro), ocorreram 3.233 acidentes e 143 mortes.

O reforço na fiscalização e no policiamento nas rodovias federais de todo o país se estende até a meia-noite desta quarta-feira.

Na terça-feira, a PRF realizou 6.356 testes de alcoolemia – popularmente chamado de bafômetro –, sendo que em 204 deles o resultado foi positivo para o consumo de bebida alcoólica.

Com isso, 90 pessoas foram presas por embriaguez. Ao todo, foram fiscalizados 29.857 pessoas e veículos ao longo de 66 mil quilômetros de rodovias federais que cortam o país.

Durante a operação da terça-feira, a Polícia Rodoviária Federal prendeu 145 pessoas em flagrante por crimes diversos.

Acidente no sábado

O número de mortes no sábado é o maior de toda a operação. Isso porque, o boletim da PRF inclui as mortes ocorridas na BR-282, quando 26 pessoas que estavam em um ônibus que seguia de Santo Cristo (RS) para Marechal Rondon (PR) morreram após colidir em um caminhão que transportava madeiras. A 27ª vítima do acidente morreu no hospital na segunda-feira.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.