Carolina Dieckmann nua – Google diz que não interfere nas buscas por fotos da atriz

Maio 9, 2012 | América do Sul, Atriz, Blog, Brasil, Celebridade, Comportamento, Foto, Mundo, Polícia, Redes Sociais, Sensualidade, TV, YouTube

Carolina Dieckmann na manhã de segunda (7)

Pela primeira vez após o escândalo do vazamento de imagens onde a atriz Carolina Dieckmann aparece nua, a Google Brasil se manifestou sobre o caso. No final da manhã desta quarta-feira (9), a empresa informou, por meio de nota, que não exerce nenhum tipo de interferência em seus resultados de buscas.

“O Google vem a público esclarecer que não interfere em seus resultados de busca. O mecanismo de busca do Google é um indexador, ou seja, uma ferramenta que procura conteúdos disponíveis na Internet. Para que um conteúdo não apareça na busca do Google, é necessário entrar em contato com o site que hospeda esse conteúdo e solicitar sua remoção”, diz a nota enviada pelo Google.

Advogado desiste de ação

Na manhã desta quarta, o advogado de Dieckmann informou que não iria mais entrar com a ação inibitória contra a empresa em função da exibição das fotos, após técnicos de seu escritório constatarem a retirada da maior parte das imagens do site.

“A informação técnica que eu tenho é que houve sim uma ação do Google no sentido de atender esse pleito de não expor a intimidade da atriz. Evidentemente, com essa atitude fica demonstrada a boa vontade e a postura responsável da empresa. Em função disso, não vou entrar com a ação, que já estava pronta. Isso é bom para evitar a sobrecarga do Judiciário com esse tipo de questão”, ressalta Kakay.

Reunião com o Google

O G1 fez uma busca às 9h50 no nome da atriz e algumas imagens permaneciam na web. “O acesso imediato já foi retirado, mas as chamadas mídias sem rosto, que são aquelas que muitas vezes você não consegue identificar os responsáveis pelas páginas, ainda continuam”, esclarceu Kakay. Ele disse ainda que vai se reunir com o advogado do Google nesta tarde para tratar do assunto.

Segundo o responsável por fazer o levantamento das imagens na manhã desta quarta, o acesso às fotos da atriz está ficando cada vez mais difícil. “O Google faz separação por dia e as que aparecem hoje são imagens antigas. O que observamos foi uma redução significativa e grande esforço de não publicar as imagens. O acesso está ficando mais difícil, não só no Google Images como também no YouTube, que é da mesma empresa”, afirmou Pedro Ivo.
De acordo com o advogado, a atriz já retomou a rotina de trabalho. “A Carolina já voltou a trabalhar e está tentando voltar com a vida ao normal. Carolina se expôs muito, mas é uma pessoa muito forte.”

Ainda segundo Kakay, o delegado Gilson Perdigão, da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), que está à frente do caso, teria informado, na noite de terça-feira (8), que as investigações estão bem avançadas. “Tenho certeza que numa rapidez bastante razoável chegaremos ao culpado pela veiculação dessas fotos”, afirmou o advogado.
Orientação de Pimentel
O ex-policial militar e comentarista de segurança pública da Rede Globo, Rodrigo Pimentel, disse que foi procurado pelo empresário de Carolina Dieckmann, Alex Lerner, após a chantagem. Pimentel explicou que o orientou a registrar um boletim de ocorrência contra o chantagista numa delegacia especializada, e que em nenhum momento falou com o suspeito.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.