Disney vai comprar a Marvel por US$ 4 bilhões

agosto 31, 2009 | Cinema, Desenho, Economia, Entretenimento, EUA, Filme, Game, Internacional, Jogos, Mundo, Tecnologia, TV, Videos

Marvel-personagem-Homem-Aranha-Hulk-Demolidor-ferro-X-Men-Thor

A gigante da indústria de entretenimento Walt Disney deve formalizar a comprar da editora de quadrinhos e produtora de filmes Marvel Entertainment em um negócio envolvendo pagamento em cash e aquisição de ações avaliado em US$ 4 bilhões de dólares (cerca de R$ 7.6 bilhões).

O acordo prevê que a Disney se torna proprietária dos 5 mil personagens criados pela Marvel, entre eles o Homem Aranha e os X-Men.

Em troca, os acionistas da Marvel recebem US$ 30 por ação (cerca de R$ 57) em dinheiro e mais 0,745 ação da Disney por cada ação da Marvel.

Tanto a direção da Disney como da Marvel já aprovaram a proposta, que agora precisa ser aprovada pelos acionistas da Marvel e pela autoridade americana que regula concorrência e a formação de monopólios no mercado do país.

Fusão

“Acreditamos que acrescentar a Marvel ao portfólio único da Disney traz oportunidades significativas de crescimento de longo prazo e criação de valor”, afirmou o presidente e executivo-chefe da Disney, Robert Iger.

“Estamos satisfeitos de trazer esses talentos e essas grandes criações para a Disney.”

Outros personagens da Marvel incluem Hulk, Demolidor, Quarteto Fantástico e Homem de Ferro, todos personagens que foram adaptados ao cinema.

“A Disney é o lar perfeito para o fantástico catálogo de personagens da Marvel, dada sua provada habilidade de expandir criação de conteúdo e licenciamento de negócios”, disse o executivo chefe da Marvel Ike Perlmutter.

“Esta é uma oportunidade sem paralelos para a Marvel fazer crescer sua marca vibrante e personagens ao entrar para a tremenda organização global e infra-estrutura da Disney pelo mundo”, acrescentou ele.

No mês passado, a Disney anunciou queda de mais de um quarto nos lucros, com perdas na receita de suas divisões de filmes e parques temáticos.

Os lucros líquidos entre abril e junho chegaram a US$ 954 milhões (R$ 1,813 bilhão), 26% a menos do que o arrecadado no mesmo período no ano passado.

Fonte BBC Brasil

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.