Acidente de avião na Colômbia – Desastre aéreo em aeroporto deixa um morto

agosto 16, 2010 | Acidentes, América do Sul, Aviação, Brasil, Foto, Internet, Mundo, Piloto, Twitter


Embaixada confirmou a presença de brasileiros no voo.
Boeing 737-700 vindo de Bogotá pousava em meio a uma forte tempestade.

Um avião se acidentou na madrugada desta segunda-feira (16) no aeroporto Gustavo Rojas Pinilla, em San Andrés, deixando um morto e ao menos 114 feridos, informaram a agência de notícias Reuters e a mídia local.

Segundo o jornal “El Tiempo”, o Boeing 737-700 da companhia Aires vinha de Bogotá com 121 passageiros e seis tripulantes e enfrentava uma forte tempestade, se acidentando a cerca de 80 metros da cabeceira da pista. A agência de notícias Associated Press informa que o número de pessoas no avião era 131.

O aeroporto está fechado. Segundo a assessoria de imprensa do Itamaraty, havia três passageiros brasileiros no voo, que fora hospitalizados. A embaixada do Brasil na Colômbia confirmou a presença de brasileiros no voo, mas afirmou que ainda não se sabe como estão, nem suas identidades. Os passageiros do avião foram retirados imediatamente pelos bombeiros e equipes de resgate, que os transportaram para o hospital Pátria de Amor e a Clínica Villareal, em San Andrés.

As operações aéreas no aeroporto da ilha foram suspensas, enquanto uma comissão da Aviação Civil iniciou uma investigação para estabelecer com precisão as causas do acidente. Pedro Gallardo, governador de San Andrés, disse que foi “um milagre” o fato de apenas uma pessoa ter morrido. “Foi um milagre e temos que agradecer a Deus”. A ilha de San Andrés é um dos principais balneários turísticos da Colômbia e no mar do Caribe.

A empresa lamentou o acidente em nota em seu perfil nos sites de relacinamentos Facebook e Twitter e informou que disponibiliza uma sala para familiares das vítimas no hotel Sheraton de Bogotá. Telefones foram divulgados para informações de passageiros: 018000949490, 018009120037 e em Bogotá: 8290927. “A Aires lamenta o incidente ocorrido com o voo 8250 que fazia a rota Bogotá-San Andrés”, diz o texto.

De acordo com o coronel da Força Aérea colombiana Gustavo Barrero Barrero, em entrevista ao jornal El Tiempo, a aeronave se partiu em três após ter sido atingida por um raio que causou “descontrole”. “Ao aterrissar, foi sacudido por uma descendente e acabou se partindo em três pedaços”, acrescentou a polícia nacional em um comunicado. O texto afirma ainda que, depois do acidente, os passageiros ficaram literalmente espalhados pela pista.

Uma mulher morreu no caminho do hospital e foi identificada como Amar Fernández de Barreto.

* Com informações da Reuters, AP e AFP

Fonte G1

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.