Declaração atrasada, como fazer para entregar?

Maio 1, 2009 | Economia, Impostos, Receita Fedral

Cálculo do IRPF 2009 AtrasadoO prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2009 (ano-base 2008) terminou nesta quinta-feira às 24h.

Para quem não conseguiu enviar suas informações em tempo para a Receita Federal, a orientação é para fazer a declaração o quanto antes e, dessa forma, evitar que a multa possa ser maior.

O procedimento de declaração para quem perdeu o prazo é igual ao utilizado por quem declarou até o dia 30 de abril.

A diferença é que o contribuinte será informado do valor da multa que terá que pagar.

O valor da multa que será cobrada do contribuinte é de 1% ao mês sobre o imposto devido, limitada a 20% deste valor e com cobrança mínima de R$ 165,74.

Esta quantia é cobrada também de quem tem imposto a restituir ou estava obrigado a entregar a declaração, mas não tem imposto a pagar ou recolher.

Para quem tem restituição a receber, o valor será descontado no momento que a Receita for devolver o dinheiro ao contribuinte.

Quem tem multa a pagar pode emitir o documento para recolhimento do valor devido no próprio programa do IRPF 2009, por meio do menu “declaração”, no comando “imprimir”, selecionando “Darf (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) de multa por entrega em atraso”.

Como pagar

Ao transmitir a declaração atrasada, segundo a Receita Federal, o contribuinte poderá imprimir os seguintes itens: a cópia da declaração, o recibo e o boleto do Documento de Arrecadação de Receitas Federais, a Darf, da multa e do imposto a pagar (se houver), separadamente.

A orientação da Receita é de que o boleto da multa seja pago em qualquer banco o quanto antes: enquanto o valor não for quitado, o contribuinte estará em débito com a Receita.

Caso o pagamento não seja feito e exista imposto a restituir, o montante será descontado no momento em que a Receita liberar a restituição (caso o total a receber seja superior a este).

Consequências

O contribuinte que não entregar a declaração por dois anos pode ter o CPF suspenso, segundo o sócio-diretor da BDO Trevisan, Lucio Abrahão. Com isso, vai enfrentar problemas na hora de abrir conta em banco, abrir empresa ou tomar um empréstimo ou financiamento.

“Com CPF suspenso, você não consegue fazer nada, tem problema até para arrumar emprego. Empréstimo, banco, passaporte”, diz o especialista.

Além disso, a própria falta da declaração do Imposto de Renda pode trazer dores de cabeça ao contribuinte. “Tudo o que você faz hoje no mundo comercial eles pedem a declaração do Imposto de Renda; quando você vai tirar visto para outros países, também”.

Tais multas e punições só valem para os contribuintes que são obrigados a entregar a declaração e atrasaram. Estão obrigadas a apresentar o documento as pessoas físicas que receberam mais do que R$ 16.473,72 durante o ano de 2008.

Deu no G1

Comentários (2)

 

  1. maria iris nunes macedo disse:

    como faser para entregar declaraçoes do irpf.2008. 2009 quero baixar no computador. e entregar pela internet.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.