Ninfomaníaca – Nos EUA, o trailer do filme foi exibido antes de animação da Disney – A plateia era formada por famílias com crianças

dezembro 4, 2013 | América do Norte, Ator, Atriz, Celebridade, Cinema, Comportamento, Desenho, Entretenimento, EUA, Filme, Flórida, Foto, Mundo, Sensualidade

foto-do-filme-ninfomaniaca-imagemUm cinema na Flórida, Estados Unidos, passou por engano um trailer do filme “Ninfomaníaca“, do polêmico cineasta dinamarquês Lars Von Trier, antes de uma sessão da animação “Frozen: Uma aventura congelante”, da Disney, informou na terça-feira (3) o site americano Huffington Post.

Definido como “drama pornográfico” e com cenas de sexo explícito, o longa teve trechos exibidos a uma plateia formada majoritariamente por famílias com crianças, diz o site.

O trailer mais recente de “Ninfomaníaca” é vetado a menores de 18 anos no YouTube – ao clicar no link para o vídeo, o usuário precisa fazer login com um cadastro que comprove sua idade. Nos pôsteres oficiais, atores como Shia LaBeouf, Charlotte Gainsbourg, Uma Thurman e Christian Slater aparecem tendo “orgasmos”.

Segundo o Huffington Post, o “acidente” na Flórida aconteceu no dia 30 de novembro e fez com que pais disparassem com suas crianças em direção às saídas. Citando como fonte a rede americana Fox 13, a reportagem descreve ainda que passaram-se 2 minutos até a tela deixar de mostrar imagens de “Ninfomaníaca”.

“Parecia uma eternidade, porque eu estava, você sabe, tentando cobrir os olhos do meu garoto”, teria declarado Lynee Green, uma das mães entrevistadas pela emissora local. “Eu não tinha mãos suficientes para tapar também os ouvidos dele, e ele ouviu bem nitidamente.”

O Huffington Post afirma que, antes de exibir o filme principal, o projecionista escolheu mostrar inicialmente ” O vapor Willie” (1928), antiga animação da Disney protagonizada por Mickey Mouse. Entretanto, ao fim do “aquecimento” para “Frozen”, surgiu na tela Shia LaBeouf “literalmente fazendo sexo“.

O site, por fim, informa que o cinema emitiu um pedido por formal de desculpas e deu ingressos grátis ao público.

Na trama de “Ninfomaníaca”, Charlotte Gainsbourg, filha do cantor francês Serge Gainsbourg e da atriz inglesa Jane Birkin, vive uma mulher viciada em sexo que conta suas experiências eróticas a um homem que a salva após uma briga.

Em entrevista à revista “Hollywood Reporter”, o produtor do filme Louise Vesth explicou que as imagens de sexo real em “Ninfomaníaca” foram feitas por dublês. O longa tem previsão de estreia para 25 de dezembro na Dinamarca e deve entrar em cartaz no Brasil no dia 10 de janeiro, de acordo com o site IMDb.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.