Nome sujo na praça? Golpe do manual vendido na internet ensina a limpar nome com dívidas em São Paulo

Março 9, 2010 | América do Sul, Brasil, Flagrantes, Polícia, São Paulo, Videos


Devedores são orientados a se fazerem de vítimas.
Segundo advogado, maior parte das dicas constitui crimes.

Moradores de São Paulo têm sido vítimas de golpistas que prometem limpar o nome de quem tem dívidas sem que a pessoa precise pagar as contas. Os serviços, oferecidos pela internet, são ilegais, e quem os contrata fica sem dinheiro e continua com o nome sujo, além de praticar um crime.

O auxiliar de manutenção Rogério Alves quer pagar o que deve, mas não sabe como começar. Há um ano, ele pagou R$ 500 para ter o nome limpo, mas a empresa contratada não fez nada.

Manuais e cartilhas dos golpistas são vendidos por até R$ 40 na internet. Os advogados alertam: a maioria das dicas não passa de crimes.

No manual, os devedores são orientados a se fazerem de vítimas. Também são orientados a pedir para que os amigos mintam. Os golpistas também orientam o devedor a adulterar cheques devolvidos – e ainda alertam que a atitude é ilegal. Em outra parte do manual, o autor prega: “Compre o que quiser, afinal, em pouco tempo você estará com o nome limpo”.

Depois de cinco anos, a dívida sai do cadastro de inadimplentes e deixa de ser pública. Mas isso não significa que ela foi extinta. O débito continua existindo junto à empresa credora e pode parar na Justiça ou em um cartório. Nesse caso, negociar o pagamento é muito mais difícil.

A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor pediu que a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) investigue a origem desses manuais.

Fonte G1

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.