Sucesso, como ter? Diminuindo o ritmo no trabalho pode levar você ao sucesso

março 30, 2017 | Comportamento, Mundo, Utilidade Pública

É comum dizermos às crianças que o trabalho duro é o caminho certo para que elas alcancem seus objetivos. Apesar disso, com o passar dos anos, muitos profissionais do nosso relacionamento cotidiano não conseguem uma recompensa à altura do esforço que fazem.

O antigo ditado que pregava que o sucesso é resultado de muito trabalho não é mais verdadeiro – se é que foi algum dia. E as crianças, ao crescerem sob a influência dessa máxima, muitas vezes acabam acreditando que agradar aos adultos e às autoridades é a sua maior prioridade. Mas não é.

As pessoas muitas vezes se esquecem de agradar a si mesmas. Elas estão focadas demais em alcançar um determinado objetivo e acabam cometendo esse tipo de erro sem perceber. E não param para pensar. “A minha meta é essa. Mas o que ela me traz? Por que estou buscando esse objetivo? Ele é realmente o melhor pra mim? Será que meu propósito deveria ser completamente diferente, como, por exemplo, ampliar a visão sobre a minha vida e a minha carreira? Será que estou deixando isso passar por ser tão obcecado em atingir as metas já traçadas?”. Essas perguntas precisam ser respondidas.

Muitas pessoas trabalham o máximo que podem e correm atrás de um caminho que elas mesmas não escolheram. Quando você está trabalhando duro, com a cabeça baixa, sem descansar, você está apenas trabalhando – e não pensando de maneira ampla. Você não está imaginando as possibilidades. Você não está permitindo que sua mente seja criativa e tenha ideias incríveis, que podem mudar o mundo, enquanto está lá, trabalhando duro e terminando todos os itens da sua lista de tarefas. Esta lista sempre estará lá, e ela nunca vai diminuir. Quanto mais itens você exclui, mais vão aparecer. Então, é óbvio que se dedicar para completar suas tarefas não é o caminho para o sucesso. Então, qual é?

Este caminho está em uma direção diferente. Sim, será necessário trabalhar arduamente para tornar a sua ideia uma realidade, mas não é o tipo de trabalho duro que envolve um enorme desgaste para conseguir uma promoção, um aumento ou uma boa avaliação de desempenho.

E qual a diferença entre os dois cenários? É que, no segundo, estamos tratando da sua vida. E você precisa decidir como vai deixar a sua marca neste planeta. O primeiro passo para começar o caminho rumo ao sucesso é parar de trabalhar, parar de se estressar e deixar a sua mente ser mais criativa. Algumas pessoas fazem isso dentro de uma banheira ou em cima de uma bicicleta. Elas soltam a mente e se perguntam: “Se tudo dependesse totalmente de mim, o que eu faria com a minha vida?”. E tudo realmente depende de você. Mas, para muitas pessoas, essa é a parte mais assustadora.

É necessário ter coragem para sonhar grande. É natural que a consciência invada os pensamentos e acabe fazendo com que as pessoas desistam dos sonhos, levando-os a acreditar que são ideias nada práticas. Entretanto, o ponto principal de um sonho é não ser prático – pelo menos no começo. Todo sonho que já foi transformado em realidade teve início com uma ideia insana e impraticável. Mas, depois, as coisas mudaram.

O seu trabalho inicial é imaginar o futuro. Mais tarde, você pode refinar a sua visão e começar a enxergar como ela pode se tornar uma realidade. Dar pequenos passos ao longo de um caminho que seus pais ou o seu chefe estabeleceram para você é muito menos emocionante – e você é capaz e digno de muito mais. Portanto, pare de trabalhar tanto, e dê a você mesmo o presente de imaginar o seu futuro com cores mais vivas. Escreva a história da vida que você quer. Você precisa ver esse filme na sua cabeça primeiro – e depois precisa torná-lo real.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.