Suco de laranja – Embrapa descobre em quanto tempo frutas perdem vitamina C

novembro 4, 2009 | Alimentação, Brasil, Estudos, Medicina, Saúde


Quem acredita que é preciso beber logo o suco de laranja se engana. A vitamina C permanece por horas.

A receita para uma vida saudável não é mistério para ninguém: exercício físico, boas noites de sono, cuidados com a alimentação, evitando frituras e dando preferência ao que é natural. Legumes, verduras, frutas são garantia de um prato colorido e recheado de benefícios.

Em um país tropical, a tentação está por todo lado: nas feiras, no balcão, no letreiro. Entre tantas opções, só com ajuda do santo.

“A fruta que mais gosto é morango. Estou tomando morango com água e açúcar”, conta um carioca.

“No café da manhã eu sempre tomo laranja com mamão. Vitamina C essas coisas sempre ajudam a começar o dia com boa disposição”, aponta uma jovem.

Elas são fonte importante das vitaminas que tanto precisamos. Um bom suco nos ajuda a enfrentar um dia de trabalho, de estudos, de brincadeiras. Mas o que pouca gente conhece – mesmo porque não vem escrito na casca – é o prazo de validade de tanto benefício.

Você não sabia mas já existe uma pesquisa que consegue dizer com comprovação científica, quanto dura a vitamina C num copo de laranja.

Nossa equipe foi até um dos laboratórios da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), na zona oeste do Rio de Janeiro, onde se estuda, com ajuda de elementos químicos, reagentes e modernas máquinas o poder das frutas.

As pesquisadoras procuram o quanto de vitamina há nos alimentos. Um trabalho difícil, afinal, cada fruto tem o seu.

“Dentro de uma mesma variedade você também pode ter diferenças no teor de vitamina C, não só em função da maturação, mas também em função do solo, do clima, do local de produção. Todos esses fatores vão influenciar na composição do fruto, da adubação, irrigação. Todos os fatores de cultivo influenciam”, explica a pesquisadora da Embrapa Virginia Mata.

Nossa pesquisa foi feita com algumas laranjas, espremidas na hora. Sem a proteção da casca, o suco começa imediatamente a perder vitamina – pelo simples contato com o ar, com a luz, com a temperatura elevada. Para determinar a velocidade desse processo, trouxemos nosso suco para análise.

“Nós preparamos a amostra injetamos, fazemos uma série de injeções ao longo do tempo e conseguimos determinar comparativamente qual foi a perda de vitamina ao longo desse tempo”, mostra a pesquisadora da Embrapa Jeane Santos da Rosa.

Os testes foram feitos por um período de quatro horas. Quem achava que a vitamina C ia embora com rapidez errou.

Em 100 gramas da nossa amostra, o suco de laranja apareceu com 33 miligramas de vitamina C logo depois de espremida a fruta. Em temperatura ambiente, duas horas depois, nova medição: a quantidade caiu para 28 miligramas. Quatro horas depois, 25 miligramas – uma perda de 24% da vitamina C original. Ou seja, quatro horas depois de espremido o suco, ainda restavam 76% da vitamina.

A resistência aumenta quando se mistura a laranja com acerola, uma fruta com enorme percentual de vitamina C. Começa em 393 miligramas de vitamina. Duas horas depois está em 381 e em quatro horas de espera o suco ficou com 355 miligramas – uma queda que não chega a 10% da concentração inicial de vitamina.

As pesquisadoras garantem: quanto mais ácido for o suco mais tempo dura a vitamina C. Você pode quebrar essa acidez com açúcar. É claro que não vai colocar muito açúcar. Se você gosta de fazer misturas, tome cuidado com o leite. Ele pode empobrecer o seu suco.

Na mistura com morango, por exemplo, o leite altera o nível de acidez e altera a quantidade de vitamina C. Em quatro horas, a perda foi de mais de 50%.

“Você não está destruindo totalmente a vitamina C mas está oferecendo um meio que não é próprio para essa vitamina C se estabilizar. A tendência é que nesse suco a vitamina C se degrade com maior rapidez”, comenta a pesquisadora Jeane Santos da Rosa.

Para prolongar a vitamina de qualquer suco, a geladeira é a opção. Mas não basta reduzir a temperatura: é importante que a jarra não seja de vidro – para evitar a entrada de luz – e que fique tampada, com um papel filme – para dificultar o contato com o ar. É a garantia de um suco saudável por mais tempo.

O cuidado na conservação do suco vale também para a fruta antes de ser espremida. Uma laranja que esteja com a casca machucada já pode estar tendo perda de vitamina C. Mesmo com a comprovação de que essa perda é lenta, é bom sempre olhar a fruta antes de levar para casa.

Legumes e hortaliças também são ricos em vitamina C. Eles merecem mais cuidado na hora de manusear, cozinhar esses alimentos. Uma hortaliça não tem casca para proteger, como a fruta tem. Então fica mais sujeita à perda.

Fonte G1

Comentários (1)

 

  1. ivone gabriel martins disse:

    agora aprendi que vitamina nao sai muito rapido dos alimentos.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.