Uma só empresa – Embratel, Net e Claro querem se fundir numa só

Abril 15, 2013 | América do Sul, Anatel, Brasil, Claro, Economia, Empresas, TV

O grupo mexicano América Móvil anunciou nesta quinta-feira que pretende fundir as operações de suas três empresas no Brasil: a Embratel, de telefonia fixa; a Net, de TV por assinatura, telefonia fixa e banda larga; e a Claro, que atualmente opera em telefonia celular e TV por assinatura. O grupo negocia com a Anatel os procedimentos para a fusão.

“A decisão a respeito da realização da Operação dependerá, dentre outros aspectos, da conclusão satisfatória dos estudos e análises que serão realizados e do posicionamento a ser adotado pela Anatel”, diz comunicado distribuído aos acionistas e à imprensa. Na prática, a Embratel Participações já controla a Net Serviços desde o ano passado, quando o grupo fechou acordo para adquirir as ações que pertenciam à Globopar, empresa das Organizações Globo. O acordo foi possível graças à nova Lei do SeAC, que liberou a atuação de empresas de telecom no setor de TV paga.

Segundo o comunicado, o América Móvil planeja promover a integração completa das três empresas, de modo a consolidar seus investimentos no Brasil e agilizar os serviços. Com a fusão, os assinantes Embratel, Net e Claro formariam um grupo único, inclusive com a unificação do atendimento via call-center e a cobrança numa única fatura mensal. Além disso, a integração permitirá reduzir os custos operacionais em torno de 30%.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.