Vídeo de sexo no Twitter – ‘Só soube pela TV’, diz mãe da garota filmada na web fazendo striptease

julho 28, 2010 | América do Sul, Brasil, Comportamento, Crime, Foto, Porto Alegre, Redes Sociais, Relacionamentos, Rio Grande do Sul, Sensualidade, TV, Twitter, Videos, YouTube, YouTube


Vídeo de sexo no Twitter – ‘Só soube pela TV‘, diz mãe de garota filmada seminua na web

De castigo, garota de 14 anos ficará um mês sem internet.
Caso será encaminhado ao Departamento da Criança e do Adolescente.

Computador na sala e conversa aberta sobre sexo com os filhos não impediram que uma mãe de Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS), assistisse a cenas de um striptease protagonizado pela filha de 14 anos em um vídeo divulgado pela internet.

As cenas, transmitidas pela ferramenta Twitcam, ligada ao Twitter, na madrugada de segunda-feira (26), correram a web e chegaram a ser transmitidas, em parte, por canais de televisão. “Eu só soube depois, quando vi pela TV, junto com ela. Ela falou que era ela, e eu pensei ‘mas não pode ser’. Eu não sabia o que falar, fiquei apavorada. Tudo o que a gente conversa não adianta para nada”, disse ao G1 a mãe da menina.

A mãe diz que mantém diálogo aberto sobre sexo com os filhos em casa – a garota envolvida no episódio tem ainda dois irmãos e uma irmã. “Sempre falei para ela: ‘não minta para a mãe, sempre que for fazer alguma coisa, avisa. Não sei por que ela fez isso agora”, desabafou.

Depois que o caso ganhou repercussão, a menina contou detalhes do episódio para a mãe. “Ela confirmou que foi um jogo de cartas pela internet, que ela perdeu e teve de pagar a aposta. Tirou a blusa, o sutiã, a calça, ficando só de calção. Na hora em que as pessoas que estavam assistindo pediram para eles fazerem [sexo], ela não quis fazer”, relatou.

A ampla divulgação do vídeo causou surpresa e arrependimento. “Ela ficou com vergonha. Não pensou que tanta gente fosse ver. Imagina, o Brasil inteiro vendo ela ali na internet. Agora, nem para a rua ela quer sair”, disse a mãe.

Dentro de casa, a exposição da adolescente e especialmente a mentira resultaram em castigo. “Nunca dei motivo para ela mentir para mim. Por um mês, ela não vai mais ver internet pela frente”. Apesar da repercussão da história, a mãe não ficou chateada com o garoto de 16 anos envolvido no caso. “É um amigo de pouco tempo, mas é um guri muito gente fina. Ela gosta muito dele”, afirmou.

De acordo com o delegado Emerson Wendt, da Delegacia de Repressão a Crimes Informáticos, os adolescentes foram ouvidos pela polícia na terça-feira (27), acompanhados de seus pais, e liberados com o compromisso de apresentação ao Ministério Público quando convocados. O delegado foi avisado sobre o vídeo, que teria tido cerca de 25 mil visualizações, por meio de seu Twitter pessoal. Os adolescentes foram identificados também com a ajuda da internet.

A menina passou por exame de corpo de delito nesta quarta-feira (28). Segundo o delegado, o caso será encaminhado ao Departamento Estadual da Criança e do Adolescente. “Trabalhamos com provas técnicas e tentamos verificar outras duas postagens desse vídeo, que teria sido gravado por outras pessoas durante a transmissão ao vivo”, afirmou Wendt.

Fonte G1

Comentários (2)

 

  1. taina disse:

    nossa q nd ver isso
    isso e muito idiota .mesmo

  2. Luiz Lima disse:

    É necessário que haja mais rigor em relação a esses tipos modalidade. Tenho um projeto que põe fim a isso tudo. Em breve estarei disponibilizando.

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.