Voo 447: Air France substitui sensores nos aviões da Airbus

junho 10, 2009 | Acidentes, América do Sul, Aviação, Brasil, Europa, Incidentes, Internacional, Mundo, Pernambuco, Recife, Tecnologia

logo-air-france-aviao-voo-447Atendendo às exigências de dois sindicatos minoritários, a Air France anunciou terça-feira que substituiria até o fim do dia pelo menos dois dos três sensores de velocidade em todos os seus aviões A330 e A340 para voos de longa distância. A empresa prometeu aos sindicatos que todos os seus 15 modelos A330 e 19 A340 estarão equipados exclusivamente com sensores de nova geração até o fim deste mês.

Os sindicatos Alter e SPF haviam aconselhado pilotos na segunda-feira a não embarcar nas aeronaves enquanto a empresa não substituísse ao menos dois dos chamados tubos pitot, que se tornaram o foco da investigação sobre as causas do acidente da semana passada na rota Rio-Paris.

– Não vejo como alguém poderia equipar 19 A340 e 15 A330 com dezenas de sondas em tão pouco tempo. É impossível – reagiu o porta-voz do sindicato SPF, Michel Le-Bras à agência France Presse. – A maioria dos aviões estão em voo ou em escala no exterior.

Já Erick Derivry, porta-voz do sindicato majoritário SNPL, lembrou que até o momento não é possível estabelecer ligação direta entre o acidente do voo AF447 e o defeito nas sondas pitot, insinuando que a medida adotada pela empresa é apenas preventiva.

– A Air France nos providenciou um programa de substituição de sondas extremamente acelerado – elogiou Derivry.

Busca
Dois sistemas de escuta submarina de alta tecnologia emprestados pelo Pentágono para ajudar a localizar as caixas-pretas do Airbus chegaram terça-feira de manhã em Natal. Estes sistemas podem detectar sinais emitidos a uma profundidade de até 6.100 metros.

Uma equipe de 19 pessoas da Marinha americana encarregada de operar os instrumentos será levada em dois navios franceses à zona onde os primeiros corpos foram encontrados, a 1.150 km da costa brasileira. A nave francesa Pourquoi Pas também saiu de Cabo Verde para reforçar a equipe de buscas, devendo chegar ao local do acidente quinta-feira. O barco transporta três robots submarinos, dois dos quais podem descer até 6 mil metros, segundo a embaixada francesa em Praia, capital de Cabo Verde. Vários peritos e cientistas estão a bordo dos navios, assim como representantes do Escritório de Investigação e Análise francês (BEA).

Em comunicado, a Interpol anunciou que vai ajudar a coordenar a identificação dos corpos das vítimas, originárias de diversos países.

– A colaboração internacional será essencial para garantir que a recuperação e sua identificação sejam feitas de maneira confiável, digna e rápida – acrescentou o secretário geral da Interpol, Ronald Noble.

Inquérito
O Ministério Público Estadual do Rio instaurou terça-feira um inquérito para que não só a Air France, como também a TAM – a única companhia aérea brasileira que utiliza aviões da Airbus – criem um cronograma para a troca dos sensores de velocidades de suas aeronaves. Em sua decisão, o promotor Rodrigo Terra, da 2ª Promotoria de Tutela Coletiva de Defesa do Consumidor e do Contribuinte da Capital, pediu que as empresas troquem o equipamento em até seis meses, sob pena de serem impedidas de voar.

Terça-feira, a Aeronáutica informou que o avião usado para transportar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, um modelo A 319, do mesmo fabricante, passa por uma revisão. Em nota, a Aeronáutica informou ter incorporado um sistema pitot probes à aeronave presidencial por recomendação da Airbus. Ainda segundo a nota, a incorporação dos pitots probes na indicação de velocidade em condições de gelo foi sugerida ao governo brasileiro pela fabricante em 16 de abril deste ano. O objetivo da recomendação era “melhorar a eficiência do equipamento”. A TAM informou que já trocou um dos sensores externos que medem a velocidade da aeronave, o pitot, de toda a sua frota Airbus – 125 aviões.

Fonte: JB

Comentários (2)

 

  1. adriana disse:

    pene q nao vamos ficar sabendo do verdadeiro motivo da queda pq vai ser coberto ai divulgam o q quiserem

Deixe seu comentário

Sobre este site

Site que reúne as notícias mais relevantes da mídia nacional e internacional.